IJUS pronto para se tornar OSCIP


O Instituto Juruti Sustentável – IJUS aprovou ontem, 05/04, em Assembleia Extraordinária as alterações estatutárias necessárias para enquadramento do IJUS como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP).

Com isso, o IJUS inicia o processo para tornar-se uma entidade do terceiro setor de interesse público. Isso facilitará o estabelecimento de novas parcerias, tanto com o poder público, quanto com a iniciativa privada. Tornando-se OSCIP, as empresas que realizarem investimentos no IJUS poderão abater as doações em suas contribuições ao imposto de renda. Além disso, o Ministério Público passará a acompanhar a prestação de contas do Instituto, sendo implantado, também, o Portal da Transparência.

“Tornando-se OSCIP o IJUS ganhará mais força em seus projetos e transparência de atuação. Será um exemplo a ser seguido em nossa região”, comenta Gustavo Hamoy, diretor presidente do IJUS.

O IJUS é a primeira organização civil de Juruti a buscar essa classificação, demonstrando o momento de maturidade da instituição e a solidez de suas contribuições na região.

Para Marcel Gonçalves, da Secretaria Municipal de Cultura de Juruti, será um importante passo para o crescimento do Instituto. “Como OSCIP, o IJUS irá melhorar a gestão e também ampliar os horizontes sobre a possibilidade de captação de recursos, o que irá contribuir diretamente para as associações presentes no nosso município e entorno”, declara.

Cássio Silva, representante do Banpará, visualiza o futuro promissor. “A elevação à OSCIP irá profissionalizar ainda mais a atuação do Instituto, sendo fator importante para os novos investidores, sendo uma contribuição importante na decisão das doações”. Durante a Assembleia do IJUS, também houve uma apresentação teatral dos jovens ambientalistas do grupo Guerreiros a Amazônia, buscando retratar a importância da boa relação entre o homem e a natureza.

Confira as fotos